ZIKA, outros e a proteção.

🔺🔺🔺🔺

Com essa história da Zika e vários áudios não oficiais espalhando terror nos grupos de mães… Vamos falar um pouco sobre a proteção?

🔻🔻🔻🔻

1- Quais os repelentes que protegem contra o mosquito da dengue/Zika/ Chiku?
São os repelentes a base de DEET ou de Icaridina (picaridina). Os da marca OFF, por exemplo, são à base de DEET e os da marca Exposis, à base de Icaridina.
2- Repelentes naturais protegem contra o Aedes?
Sim, porém a proteção não tem efeito duradouro e é considerada pouco eficaz.


3- Quais são os repelentes naturais?
São aqueles à base de óleos vegetais (citronela, eucalipto…) O suor/umidade atrai os mosquitos, por isso algumas mães passam óleo de amêndoas nos bebês para disfarçar o cheiro. Por outro lado, perfumes, sabonetes e outras fragrâncias fortes são atrativos para os mesmos.


4- Qual a idade mínima para utilização de repelentes industrializados?
Algumas marcas são permitidas após os 6 meses e outras após os dois anos. É aí que vem a novidade: segundo pesquisas recentes da Academia Americana de Pediatria e do CDC, repelentes que contenham DEET ou Icaridina podem ser utilizados À PARTIR DOS 2 MESES DE IDADE, RESPEITANDO A CONCENTRAÇÃO DE 10% DE DEET E ICARIDINA.


5- “Oi? 2 meses? 60 dias?”. Exatamente!! Mas vamos falar sobre os procedimentos corretos:
– Antes de utilizar qualquer produto na pele do seu bebê, converse com seu pediatra.
– O repelente não deve ser utilizado diariamente e nem várias vezes ao dia. Utilizar em situações específicas.
– Jamais utilizar spray no rosto da criança. O ideal é você passar nas suas mãos e depois espalhar no corpo do bebê, nas áreas que ficarão expostas.
– Repelente e sol não combinam!Não precisa passar no rosto inteiro e nem perto dos olhos. Passe nas bochechas e na testa, por exemplo. Nada de passar nas mãos do bebê.
– Utilize roupas claras, finas e de mangas compridas. Os chamados métodos de barreira: mosquiteiros, protetores de berço…
– Indicação de repelentes com as concentrações permitidas: OFF kids (DEET – 5h de proteção) e Exposis infantil ( 10 horas de duração!)

Se tiver dúvidas, me procure na nossa FANPAGE http://www.facebook.com/dranathaliafontana

…no nosso INSTAGRAM
http://www.instagram.com/dranathaliafontana

…ou agende uma consulta!

Cordão Umbilical

O cordão umbilical é o primeiro brinquedo do bebê! 😉

Responsável pela alimentação e oxigenação do bebê durante a gestação, o cordão umbilical é um ilustre desconhecido para a maioria das mulheres.

[…] O cordão umbilical é uma espécie de anexo encontrado exclusivamente nos mamíferos, que tem como função fazer a comunicação entre o feto e a placenta. No final da primeira semana de gestação, é formada uma estrutura chamada de blastocisto. Parte dela dá origem ao embrião e a outra origina a placenta […], explica Marcial Francis Galera, pediatra e geneticista do Departamento de Genética da SBP (Sociedade Brasileira de Pediatria) e chefe do Departamento de Pediatria da UFMT (Universidade Federal de Mato Grosso).

cord_o_umbilical-275x300

Alimentação Infantil – Parte 1

A idade de 1 ano até a puberdade é um período de crescimento lento em comparação ao primeiro ano de vida, quando a criança triplica seu peso de nascimento. Em vista dessa desaceleração fisiológica do crescimento, é esperada a redução na ingestão alimentar nessa fase do desenvolvimento. Embora o padrão de crescimento seja bastante individualizado, crianças com 2 anos de idade até a puberdade ganham em torno de 2-3 kg ao ano e crescem de 5-8 cm ao ano.

eating baby girl
PRÉ-ESCOLAR
Nessa fase, a criança começa a desenvolver habilidades que permitem coordenação motora para levar a colher com o alimento à boca e beber líquidos em copo sozinha. Mamadeiras devem ser evitadas, por serem fonte de contaminação e para evitar cáries e outras alterações dentárias.
É nessa fase que a criança começa a formar suas preferências alimentares, de acordo com a exposição aos mais variados alimentos, constituindo, assim, os hábitos alimentares para as próximas fases do seu desenvolvimento.
As refeições devem ser realizadas em horários e períodos preestabelecidos de acordo com a rotina familiar, em um ambiente silencioso, agradável, de preferência na presença de toda a família, sendo que a criança deve estar acomodada em uma cadeira adequada e confortável para o seu tamanho. Essas práticas tornam as refeições momentos prazerosos do dia.
As crianças devem ser estimuladas para o consumo de uma dieta composta por alimentos coloridos com equilíbrio em macronutrientes (proteínas: 5-15%, gorduras: 25-35% e carboidratos: 45-65% da dieta) e micronutrientes (cálcio, magnésio, zinco, ferro, vitaminas) para cada faixa etária. Também devem participar da escolha dos alimentos a serem ingeridos, sempre com a supervisão de um adulto e de acordo com as suas preferências.

Alimentacao-infantil1
ESCOLAR
Essa é a fase em que a criança praticamente estabelece seus hábitos alimentares para a vida adulta. Época em que desenvolve e intensifica suas relações pessoais e passam a frequentar ambientes diferentes do próprio lar. Os amigos, os colegas, assim como a televisão, podem influenciar negativa ou positivamente as atitudes e escolhas alimentares. Às vezes, há contrariedade por parte da criança na escolha da merenda escolar feita pelos pais ou cuidadores, o que gera um impasse entre o que seria um lanche saudável e o culturalmente aceito pelos colegas na escola.

SALADA1
As crianças nessa idade tendem a comer o que o grupo de amigos come, logo, é importante evitar que a ingestão de alimentos artificiais, como salgadinhos, refrigerantes, bolachas recheadas e demais guloseimas, tornem-se rotina, embora não devam ser completamente proibidos.
Assim como na idade pré-escolar, a quantidade de alimentos ingeridos é muito variada para cada criança e depende do metabolismo basal, taxa de crescimento, atividade física diária, sexo e estágio de desenvolvimento puberal.

APROVEITANDO este post sobre alimentação infantil, quero dividir com vocês:

simposio

Vem aí o 1º Simpósio de Nutrição Infantil em Araguaína – TO.
Em breve passo mais informações aqui no BLOG!

Amamentação no Verão

Uma grande dúvida é:

“Dra., mas nem água? Nem chá?”

Bebês que estão em aleitamento materno exclusivo NÃO PRECISAM BEBER ÁGUA!!!
Verão chegou, muito calor… todo mundo querendo dar um pouquinho de água para o bebê, palpite daqui, palpite dali… Diga não!

Amamentacao-seios350
O leite materno tem 88% de água na sua composição e o bebê não necessita de outra fonte de líquidos. O que acontece no verão é que o bebê aumenta o número de mamadas e às vezes mama rapidinho, só para matar a sede. Ele também está sentindo a mudança de temperatura.
Deixe o bebê só de fralda ou com uma roupa bem levinha e arejada e prefira ambientes ventilados.

Breastfeeding
Uma boa dica é molhar uma toalha e passar nos pés, mãos e nuca do bebê durante as mamadas. No calor eles adoram. Pode usar um spray com água tambem para dar uma refrescada (não é pra deixar o bebê molhado, gente! É para resfrescar, entenderam? Kkkkk…).

pelebebe2

Não esqueçam de congelar o leite materno e fazer tetolé: picolé de leite da mamãe! Suuuuuper fácil!!!! Uma ótima pedida para o verão.

picole-feito-com-leite-materno-1391620839047_300x300

Outra dica importante: mamãe, você sim deve beber MUITA água. A água que a mamãe ingere é a que vai hidratar a criança.

bebe-agua-verao
Se o xixi ficou concentrado, a saliva está mais espessa ou se o bebê está muito sonolento, comunique seu pediatra.

É isso. Bebam muita água, amamentem muito e aproveitem o verão da melhor forma!
:*

ATENÇÃO – IMPORTANTE – vacina tríplice viral

IMPORTANTE!

BRASÍLIA – O Ministério da Saúde confirmou nesta quarta-feira, 19, que 28 crianças tiveram reações adversas depois de receberem a vacina tríplice viral produzida pelo laboratório Serum Institutte of India Ltda. Todas passam bem. Diante dessa constatação, a pasta recomendou que secretarias estaduais e municipais evitem usar o produto em crianças que tenham alergia a leite de vaca. Análises feitas na composição da vacina Serum identificaram a presença de lactoalbumina hidrolisada – componente que pode desencadear a reação alérgica. A recomendação do Ministério é que crianças com hiper-sensibilidade ao leite não sejam vacinadas nesta etapa. Nesta quarta, a Secretaria do Amazonas determinou a suspensão temporária de campanha de vacinação, que havia sido iniciada dia 8 e se estenderia até dia 28. Em Manaus, quatro crianças apresentaram reações anafiláticas. De acordo com o ministério, todas já estão recuperadas. O Serum Institutte of India Ltda. é pré-qualificado pela Organização Mundial da Saúde (OMS). O Ministério da Saúde informou que todos os lotes da vacina tríplice viral que estão em uso no País, incluindo os do Serum Institute, passaram por análise no Instituto de Qualidade em Saúde (INCQS). Todas estão aprovadas para uso. Com o registro dos 28 casos de reações adversas, no entanto, uma nova análise deverá ser feita. A tarefa, desempenhada pelo Ministério da Saúde em conjunto com Organização Pan-Americana de Saúde (responsável pela aquisição do produto), será identificar se há alguma associação entre os problemas apresentados pelas crianças e a aplicação da vacina da Serum. Embora tenha feito essa recomendação para alérgicos, o Ministério da Saúde procurou reforçar a necessidade de que as demais crianças sejam vacinadas com a tríplice viral.

noticia

O que é a vacina tetra viral

A vacina tetra viral é uma atualização da vacina tríplice viral e consiste na combinação de vírus vivos atenuados contra o sarampo, a caxumba, a rubéola e catapora, apresentada sob a forma liofilizada, em frasco-ampola com uma ou múltiplas doses. Todos os quatro componentes desta vacina obrigatória são altamente imunogênicos e eficazes, dando imunidade duradoura por praticamente toda a vida.

Indicações da vacina

A vacina está indicada a partir dos 12 meses. Recomenda-se a aplicação aos 15 meses, juntamente com o primeiro reforço da vacina tríplice bacteriana e da vacina contra a poliomielite.

Alimentação INFANTIL divertida

Olha que legal!

@roteirobaby deu um jeito de estar presente quando a filha chegasse da escola pq ela não estaria em casa. Às vezes, a ausência física se torna só um detalhe com tanto carinho não é mesmo?

bubu

Aproveitando a foto e falando mais sobre alimentação, viram como pequenos detalhes fazem toda diferença na apresentação do prato?

1797_comida

Isso chama a atenção das crianças e torna a comida mais interessante! Tentem fazer os olhos do arroz com ervilha e o sorriso com tiras de tomate ou cenoura… Monte uma salada e finja que o brócolis é uma árvore com o chão de macarrão…

comida-divertida3

Garanto que até as crianças mais difíceis se derretem com essas atitudes!

Boa sorte! 😉